11ª edição dos Prémios Design M&P

Que 2020 foi um ano muito desafiante já todos sabemos. Que nos colocou à prova, foi uma evidência desde o primeiro minuto. Que, apesar de todos os constrangimentos foi produzido bom trabalho, fomos podendo comprovar ao longo dos meses.

É esse, o bom trabalho, que queremos distinguir na 11ª edição dos Prémios Design M&P.

Ana Lia Santos (Deslink Design e FBAUL), Anne-Laure Chauvin (Nossa™), Diogo Potes (Solid Dogma), Filipe Carvalho (designer e realizador de cinema e televisão), Francisco Chatimsky (@Mafalda&Francisco), Francisco Rivas (The Walt Disney Company), Graça Martins (GMA Creative Firm e Bainha de Copas), Marko Rosalline (deadinbeirute™), Melissa de Almeida Antunes (Lola-Normajean Lisboa), Miguel Viana (UnlockBrands®), Rafael Serra (type designer e lettering artist freelancer), Ricardo Diogo (McCann Lisbon), Rita Rivotti (RitaRivotti®), Rodrigo Costa (Sumol+Compal) e Rodrigo Gralheiro (NOS) são os profissionais que têm a seu cargo a escolha dos vencedores. Que em Junho, quando forem conhecidos os melhores do Design em Portugal, já possamos celebrar juntos.

Por agora, sugiro uma viagem pelas edições anteriores e o reencontro com os melhores projectos da última década.

Carla Borges Ferreira

Directora do Meios&Publicidade

Carla Borges Ferreira

Regulamento

Introdução

Os prémios Design 2021, promovidos pelo jornal Meios & Publicidade, têm como objectivo premiar os melhores trabalhos de design feitos entre 1 de Janeiro 2020 e 31 de Dezembro de 2020. São dirigidos a todas as empresas e profissionais que, a título individual ou integrados em empresas, tenham apresentado trabalhos em Portugal (Continente e Regiões Autónomas) ou que, tendo apresentado trabalhos no exterior, exerçam a sua actividade em Portugal.

Tendencialmente será atribuído um Prémio por categoria, no total de 48 categorias, podendo o júri decidir entregar mais do que um prémio por categoria ou distinguir algumas peças com menções honrosas.

Para além dos troféus categoria, será igualmente atribuído um Grande Prémio, para aquele que o júri considerar como o melhor trabalho de todos os que se apresentaram a concurso. Será ainda atribuído um prémio de Atelier do Ano/Designer do Ano ao atelier ou designer em nome individual que tenha sido mais premiado nesta 11ª edição dos Prémios de Design M&P.

Regras

  1. Os prémios de design do jornal Meios e Publicidade visam premiar os melhores trabalhos de design produzidos entre 01/01/2020 e 31/12/2020.
  2. Os prémios estão abertos a todas as empresas e profissionais que tenham apresentado trabalhos em Portugal ou que, operando em Portugal, tenham produzido trabalhos para o exterior.
  3. Todo o material inscrito deve ser fruto de trabalhos reais.
  4. O material e a documentação apresentada passam a ser propriedade do concurso, pelo que não serão devolvidos.
  5. Os participantes autorizam a exibição pública ou privada dos trabalhos, bem como a compilação e venda dos conteúdo/imagens, seja no jornal Meios & Publicidade, seja noutros produtos do Grupo Workmedia.
  6. A organização e o júri reservam-se ao direito de reclassificar trabalhos entre categorias, bem como anular ou alterar qualquer uma das categorias caso os trabalhos a concurso não apresentem os requisitos considerados necessários.
  7. Se o número de trabalhos o justificar, categorias que agrupam mais do que uma aplicação do design podem ser desdobradas em mais categorias.
  8. Em caso de desistência, após a data limite estabelecida para inscrições, não haverá devolução do valor de inscrição. Se o pagamento não tiver sido efectuado, fica o concorrente responsável pelo pagamento de um valor correspondente a 50% do montante da inscrição.
  9. Se o mesmo trabalho for inscrito, na mesma categoria, por entidades diferentes (agência e cliente, por exemplo) é considerada válida a primeira inscrição.

Informações

Júri

O júri será composto por profissionais com um percurso reconhecido na área da comunicação e será presidido pela directora do jornal Meios & Publicidade. A presidente de júri não terá direito de voto excepto em caso de empate.

O júri é constituído por:

  • Ana Lia Santos, designer chefe da Deslink Design e professora na FBAUL
  • Anne-Laure Chauvin, head of design da Nossa™
  • Diogo Potes, designer e director de arte na Solid Dogma
  • Filipe Carvalho, designer e realizador de cinema e televisão
  • Francisco Chatimsky, partner @Mafalda&Francisco
  • Francisco Rivas, creative designer na The Walt Disney Company
  • Graça Martins, sócia fundadora da GMA Creative Firm e da Bainha de Copas
  • Marko Rosalline, director criativo e fundador da deadinbeirute™
  • Melissa de Almeida Antunes, head of design na Lola-Normajean Lisboa
  • Miguel Viana, founder & creative director da UnlockBrands®
  • Rafael Serra, type designer e lettering artist freelancer
  • Ricardo Diogo, director de Design da McCann Lisbon
  • Rita Rivotti, CEO e fundadora da RitaRivotti®
  • Rodrigo Costa, director de marketing para Portugal e Espanha da Sumol+Compal
  • Rodrigo Gralheiro, digital brand & communication senior manager na NOS

A decisão do júri é soberana e definitiva e não poderá ser sujeita a qualquer recurso.

Se o júri entender que em determinada categoria nenhum dos trabalhos merece receber o troféu pode optar por não atribuir o prémio, aplicando-se o mesmo ao "Grande Prémio" e "Atelier/Agência do Ano".

Votação

Terminado o prazo de inscrições cada jurado receberá todos os trabalhos a concurso, elegendo em cada categoria aqueles que, em sua opinião, devem chegar a shortlist. Haverá posteriormente uma reunião de júri onde os trabalhos seleccionados serão vistos e discutidos. Em cada categoria ganharão os trabalhos que recolham a maioria dos votos. A presidente do júri não participará na votação, cabendo-lhe apenas a tarefa de, em caso de empate, decidir. A escolha do júri é soberana.

Os membros do júri, profissionais de méritos reconhecidos no sector, não estão impedidos de inscrever trabalhos, mas não participam na decisão final das peças que têm a concurso. Os resultados serão divulgados apenas durante a festa de entrega de prémios, que decorrerá em Junho.

Inscrição

Deve preencher o formulário que formaliza a sua inscrição. Será depois contactado por Teresa Albuquerque ([email protected]), que a validará.

De seguida as peças a concurso devem ser enviadas por email ou serviço de transferência de ficheiros (ex: Wetransfer, My Air Bridge, etc.) para Teresa Albuquerque ([email protected])

Cada inscrição tem obrigatoriamente que conter:

  • Um PDF no máximo de duas páginas com imagens e a sinopse dos trabalhos a concurso. As imagens terão que ser a 300 dpi e a sinopse não deve ultrapassar os 1.500 caracteres (com espaços);
  • Um documento Word com a sinopse e ficha técnica do trabalho;
  • Nas categorias de Digital deve ser enviado igualmente o URL dos trabalhos;
  • Nas categorias Eventos e Vídeo/Motion Graphics é necessário o envio dos respectivos vídeos;
  • Nas categorias Capas; Catálogo/Relatório e Contas/Brochuras; Impressão; Packaging; Publicação Empresarial/Intitucional; Revista (projecto gráfico); Jornal (projecto gráfico); Rótulos; Livros devem ser enviados os próprios objectos a concurso.

Pede-se aos participantes que indiquem em que categoria a peça está inscrita. É possível inscrever a mesma peça em mais do que uma categoria.

DATA LIMITE DE INSCRIÇÕES: 7 de Maio às 18h. DATA LIMITE DE RECEPÇÃO DOS TRABALHOS: 14 de Maio às 18h.

Preço

O custo de cada inscrição é de 150€ (mais IVA) sendo que a partir da 11ª inscrição o custo desce para os 120€ (mais IVA). Nas categorias 12 (Ilustração), 35 e 36 (Capa de Jornal e Capa de Revista), 43 (Ilustração) e 44 (Infografia), o valor de cada inscrição é de 50€ (mais IVA). A partir de dia 7 de Maio, e durante uma semana, continuaremos a aceitar inscrições, mas com um acréscimo no preço de 20%.

Pagamento

O pagamento deve ser realizado com a inscrição das peças e representa um dos requisitos para a validação das mesmas a concurso.

O pagamento deverá ser efectuado por transferência bancária.

Transferência bancária

  • Workmedia – Comunicação SA
  • Banco: Caixa Geral Depósitos
  • Número de conta: 675045878430
  • SWIFT: CGDIPTPL
  • IBAN: PT50 0035 0675 00045878430 39
  • com a referência de pagamento PDESIGN seguido do NOME DE FACTURAÇÃO DO CLIENTE.

O comprovativo da transferência deverá ser enviado para o email [email protected].

Vencedores

Divulgação dos vencedores

Os vencedores serão divulgados numa cerimónia que terá lugar em Junho. A cerimónia, dependendo das regras em vigor na altura, será presencial ou digital.

NOTA: AS INSCRIÇÕES SERÃO CONSIDERADAS VÁLIDAS QUANDO RECEBER, POR E-MAIL, A CONFIRMAÇÃO. ESSA CONFIRMAÇÃO SERÁ ENVIADA APÓS RECEBERMOS A INDICAÇÃO DOS TRABALHOS QUE PRETENDE INSCREVER.

Júri

Design

01. Eventos

Nesta categoria será avaliado o projeto de eventos que decorreram no período em análise. Será tido em conta a decoração do espaço, o jogo de luzes, a criatividade inerente que transforma um evento uma experiência única e diferenciadora para os participantes.

02. Eventos Corporativos

Nesta categoria será avaliado o projeto de eventos internos / corporativos que decorreram no período em análise. Será tido em conta a decoração do espaço, o jogo de luzes, a criatividade inerente que transforma, por exemplo, uma reunião de quadros de uma empresa no momento único para todos os participantes.

03. Eventos Digitais

Nesta categoria será avaliado o projeto de eventos digitais, que se tornou uma realidade no período em análise.

04. Stands

Será analisar o design dos estandes que estão presentes em feiras, exposições e eventos, tanto físicos como digitais.

05. Ambiente

O desenho do meio ambiente, tanto de espaços permanentes como temporários, será o objeto de avaliação nesta categoria, que pretende distinguir, por exemplo, a forma como marcas/empresas marcaram presença no festival ou no espaço de determinada insígnia.

06. Espaços Comerciais e Lojas Pop Up

O desenho do ambiente de espaços comerciais e Lojas Pop Up será o objeto de avaliação nesta categoria.

07. Mobiliário e Decoração

Nesta categoria vamos premiar peças de mobiliário/decoração que pela sua originalidade/funcionalidade marquem a diferença.

08. Autopromoção

Esta categoria destina-se a premiar como peças que as empresas criam para a sua autopromoção. Nesta categoria não só o design mas a criatividade na forma de autopromoção será os parâmetros a avaliar.

09. Capas (Livros, CD/DVDs/Vinil)

O design de capas de livros, de CD/DVD's e de discos em vinil, por exemplo, será o objectos em avaliação nesta categoria. Aconselha-se o envio físico das peças a concurso.

10. Livros

Nesta categoria será avaliado o design de livros. Aconselha-se o envio físico das peças a concurso.

11. Catálogo / Relatório e Contas / Brochura

Os Catálogos, Relatórios e Contas e Brochuras continuam a ser alvo de uma grande aposta por parte das empresas. Esta categoria destina-se a premiar o melhor design destas peças. Aconselha-se o envio físico das peças a concurso.

12. Ilustração

Esta categoria destina-se a premiar a utilização da ilustração em diferentes tipos de trabalhos.

13. Branding

Todos os anos surgem marcas novas, e todas elas têm, como principal preocupação a forma como se apresentam ao mercado. O nome, a assinatura, o logótipo, as cores utilizadas, a fonte criam a personalidade da marca. Esta categoria destina-se a premiar a construção de marcas.

14. Rebranding

Se na anterior categoria se premiam as criações originais, nesta categoria irão distinguir-se as transformações feitas em marcas existentes. Assim, é fundamental o envio do logótipo da marca antes do processo de rebranding, para uma melhor avaliação na transformação efectuada.

15. Rótulos

Os rótulos são alvo de uma grande aposta por parte das marcas, ajudando a posicionar os produtos e podendo ser determinantes no momento da compra. Esta categoria destina-se a premiar o melhor design destas peças. Aconselha-se o envio físico das peças a concurso.

16. Impressão

Cartões profissionais, calendários, agendas, flyers ou convites serão avaliados nesta categoria. O material utilizado, a gramagem, o papel, o corte serão tidos em conta para se encontrar o vencedor nesta categoria. Aconselha-se o envio físico das peças a concurso.

17. Merchandising

Categoria que irá premiar o melhor design no merchadising criado para várias marcas/empresas. Neste caso, se as peças foram mais do que uma por campanha, pede-se o envio de até três peças por trabalho.

18. Ponto de Venda

A forma como determinada marca está presente no ponto de venda será o objecto de avaliação nesta categoria.

19. Poster

Nesta categoria vamos distinguir o design de peças de comunicação como cartazes ou posters.

20. Packaging

O cuidado com o design do produto começa na forma como este está envolvido e nas embalagens que os envolvem. Sejam electrodomésticos ou produtos alimentares, a compra destes produtos começa na embalagem. Esta categoria destina-se a premiar o melhor design de packaging. Aconselha-se o envio físico das peças a concurso.

21. Publicação Institucional / Empresarial

As revistas de empresas – ou marcas – continuam a ser uma aposta para comunicar com vários públicos: clientes, parceiros e colaboradores. A imagem antiquada de uma revista interna está a desaparecer e a dar lugar a verdadeiros objectos de arte. Nesta categoria será premiada a melhor revista ou publicação feita por empresas. Aconselha-se o envio físico das peças a concurso.

22. Projecto Integrado

Na categoria Projecto Integrado será avaliada a aplicação/derivação de determinada imagem/branding aos diferentes suportes de comunicação.

23. Tipografia Original

Nesta categoria vamos distinguir a melhor tipografia criada para a comunicação de qualquer mensagem ou logótipo.

24. Logótipo

Nesta categoria vamos distinguir o melhor logótipo, criado para uma marca nova ou resultado do rebranding de uma marca já existente.

25. Fotografia / Curadoria de Imagem

Nesta categoria vamos premiar a melhor utilização da fotografia/imagem em peças de comunicação.

Q&A - Perguntas Frequentes

01 - A quem se destinam os Prémios Design'21, organizados pelo jornal Meios & Publicidade?

São dirigidos a todas as empresas e profissionais na área do design que, a título individual ou integrados em empresas, tenham apresentado trabalhos em Portugal (Continente e Regiões Autónomas) ou que, tendo apresentado trabalhos no exterior, exerçam a sua actividade em Portugal.

02 – Quantas categorias serão premiadas?

Serão 48 categorias escolhidas pelo júri e mais dois prémios especiais para a “Atelier/Agência do Ano” e “Grande Prémio”.

03 – Como é contabilizado o número de peças por projecto?

É contabilizado da seguinte forma: um projecto, uma peça. Embora com algumas excepções, como por exemplo na categoria “Eventos”, “Branding” ou “Rebranding”, onde cada projecto poderá apresentar mais do que uma peça – no máximo de cinco.

04 – O preço a pagar diz respeito ao número de projectos ou ao número de peças por projecto?

O custo de cada inscrição é de 150€ (+ IVA). No caso de as empresas inscreverem um número igual ou superior a 11 trabalhos terão um desconto de 20% em todos os trabalhos (incluindo nos 10 primeiros). A inscrição de cada peça passa assim a ter um custo unitário de 120€ (+ IVA). Após dia 7 de Maio, e durante uma semana, continuaremos a aceitar inscrições mas com uma penalização de 20% no preço. Assim, o valor unitário de cada inscrição passa de 150€ para 180€ no caso de inscrever até 10 trabalhos e de 120€ para 144€ se concorrer com mais de 10 aplicações.
Nas categorias 12 (Ilustração), 35 e 36 (Capa de Jornal e Capa de Revista), 43 (Ilustração) e 44 (Infografia), o valor de cada inscrição é de 50€ (mais IVA) no caso de inscrever 10 capas e de 40€ se inscrever 11 ou mais.

05 – No caso de inscrever uma peça em mais do que uma categoria, como é feita a contabilização?

Cada categoria é uma inscrição, logo a contabilização é a soma das categorias.

06 – Num projecto da área digital, qual o suporte indicado para a apresentação de projecto?

No caso de produtos na área digital, solicitamos que os concorrentes enviem os trabalhos em formato digital através print screens das áreas mais importantes do projecto online, em formato jpeg ou tif. Exemplo: um site institucional deverá ter sempre a homepage e algumas páginas para onde a navegação do site flui. Pede-se igualmente que seja enviado o URL que permita ver/navegar no projecto em questão.

07 – Como serão escolhidos os dois prémios especiais?

a) O prémio “Atelier/Agência do Ano” será atribuído à agência/designer que for mais premiada na edição deste ano, ou que se destaque pela qualidade dos seus trabalhos apresentados a concurso. Cada prémio vale 5 pontos, cada menção honrosa vale 3 pontos e a shortlist vale 1 ponto. O Grande Prémio vale 15 pontos (descontando o prémio).
b) O “Grande Prémio” será atribuído ao trabalho que o júri considerar como o melhor de todos os que se apresentarem a concurso.

08 – Poderão existir categorias sem vencedor?

Sim. Se o júri entender que nenhum trabalho a concurso numa respectiva categoria não tem qualidade suficiente, o prémio fica por atribuir.

09 – Poderão existir dois ou mais vencedores numa só categoria?

Sim. Em casos excepcionais, o júri pode atribuir mais do que 1 prémio ou distinguir trabalhos com menções honrosas.

10 – Em quem consistem os prémios atribuídos pelo jornal Meios & Publicidade nas diversas categoriais?

A atribuição dos prémios consiste no reconhecimento do mercado da comunicação, e dos seus vários sectores, no trabalho feito pelos designers /agências. Os premiados terão divulgação junto da comunidade de assinantes do jornal Meios & Publicidade – e nos seus sub-produtos (site, redes sociais, e-newsletters), marcarão presença num suplemento especial que irá ser publicado com a edição especial dos prémios Meios & Publicidade na data de entrega dos prémios.

11 – Quando é que os premiados serão conhecidos?

Serão conhecidos na festa de atribuição dos prémios, a realizar no mês de Junho.

12 – Quem são os elementos do júri?

O júri é constituído por:

  • Ana Lia Santos, designer chefe da Deslink Design e professora na FBAUL
  • Anne-Laure Chauvin, head of design da Nossa™
  • Diogo Potes, designer e director de arte na Solid Dogma
  • Filipe Carvalho, designer e realizador de cinema e televisão
  • Francisco Chatimsky, partner @Mafalda&Francisco
  • Francisco Rivas, creative designer na The Walt Disney Company
  • Graça Martins, sócia fundadora da GMA Creative Firm e da Bainha de Copas
  • Marko Rosalline, director criativo e fundador da deadinbeirute™
  • Melissa de Almeida Antunes, head of design na Lola-Normajean Lisboa
  • Miguel Viana, founder & creative director da UnlockBrands®
  • Rafael Serra, type designer e lettering artist freelancer
  • Ricardo Diogo, director de Design da McCann Lisbon
  • Rita Rivotti, CEO e fundadora da RitaRivotti®
  • Rodrigo Costa, director de marketing para Portugal e Espanha da Sumol+Compal
  • Rodrigo Gralheiro, digital brand & communication senior manager na NOS

A estes elementos do júri junta-se a directora do jornal Meios & Publicidade, Carla Borges Ferreira, que apenas usará de direito de voto para desempate.

13 – É possível inscrever trabalhos que não tenham sido utilizados comercialmente, aqueles que na gíria da comunicação se chamam de “trabalhos fantasma”?

Todos os trabalhos inscritos têm de ter um objectivo comercial, ou seja, a organização dos Prémio Design Meios & Publicidade não permite a inscrição de trabalhos “fantasma”.

14 – Qual o prémio para os vencedores?

O prémio físico é um troféu. O troféu será entregue numa cerimónia a decorrer em Junho. Os vencedores das diversas categorias irão ver o seu nome divulgado nas páginas de um suplemento especial que será distribuído com o jornal e no próprio Meios & Publicidade.

Inscreva-se agora!

O custo de cada inscrição é de 150€ (+ IVA). No caso de as empresas inscreverem um número igual ou superior a 11 trabalhos terão um desconto de 20% em todos os trabalhos (incluindo nos 10 primeiros). A inscrição de cada peça passa assim a ter um custo unitário de 120€ (+ IVA). Após dia 7 de Maio, e durante uma semana, continuaremos a aceitar inscrições mas com uma penalização de 20% no preço. Assim, o valor unitário de cada inscrição passa de 150€ para 180€ no caso de inscrever até 10 trabalhos e de 120€ para 144€ se concorrer com mais de 10 aplicações.

Nas categorias 12 (Ilustração), 35 e 36 (Capa de Jornal e Capa de Revista), 43 (Ilustração) e 44 (Infografia), o valor de cada inscrição é de 50€ (mais IVA) no caso de inscrever 10 capas e de 40€ se inscrever 11 ou mais.

Para mais informações contacte:

Edições anteriores

Contactos

Em caso de dúvidas, entre em contacto pelo formulário abaixo ou pelos meios de comunicação fornecidos. Responderemos o mais brevemente possível.

Patrocinadores e Parceiros